Das excitações sentimentais

Vou contigo
Agora
Não interessa pra onde
Vem comigo,
Não demora
Perder o ar na minha boca
Ver como o sol se esconde

Me olhar à luz da lua
Sugar da minha pele um arrepio
Sentir como meu corpo flutua
Esquecer os teus enganos
Todos os amores vadios

Vem,
Respiro mal sem ti
Teu cheiro natural me inebria
Sente como o meu corpo sorri
Me aquece, me come [com os olhos]
Faz de mim tua melhor poesia

Deixa ir embora o passado 
Os amores perdidos.
Do nosso corpo exaurido,
Não esqueça jamais.
Costurando tua vida na minha,
Faz de mim teu único abrigo
Grava em ti nossas palavras de afeto,
Nossos desejos, suspiros e ais.

Comentários

  1. Soneto-acróstico

    Esquecer todos os vividos enganos
    Sugando da nossa pele os arrepios
    Seja esconder-se detrás dos panos
    E admitir seus sonhos mais vazios.

    Aos nossos desejos, suspiros e ais
    Mover mundo em busca do segredo
    Ou que então não tergiversar jamais
    Reverter o tal arranjo desse enredo.

    É perceber como o sol se esconde
    Ver o que se encontra atrás do muro
    Apenas não saber quando nem onde.

    Deixar o passado, olhar só o futuro
    Indo em frente como trem ou bonde
    Onde haverá um certo porto seguro.

    ResponderExcluir
  2. Inspirador. Cada palavra, cada estrofe.
    www.iamcamilakellen.blogspot.com
    *Rumo aos 200 seguidores

    ResponderExcluir
  3. Lindo. Amo seus poemas. <3
    Beijoss
    Até mais

    http://minhaqueridasophia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo lindo poema
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Psiu...
    Lindo o seu poema...

    Venha-me visitar...Obrigada

    http://anginhasexy.blogspot.pt/2014/11/arte-pura.html#comment-form

    ResponderExcluir
  6. Boa noite Simone..
    e como a gente se liberta colocando sentimentos assim em versos..
    momentos a dois quando os dois estão vibrando amores só pode resultar nisso..
    só não podemos provocar e não fazer nada.. temos que ir até o final e encantar.. bjs

    ResponderExcluir
  7. Boas palavras, gostei Simone. Beijinho :)

    ResponderExcluir
  8. Meu Deus, que lindo! Vim retribuir a visita e me apaixonei.
    Beijinhos (:

    ResponderExcluir
  9. Deu até um arrepio.... lindo. Bjusssss ;))

    ResponderExcluir
  10. Olá SIMOME,

    se você insiste tanto...VOU!!! (rs)

    Um abração carioca

    ResponderExcluir
  11. Grandes poesias assim são retiradas do coração que refletiu a imagem da beleza! abração

    ResponderExcluir
  12. Amar assim.. com o corpo, a alma, o cheiro.
    Isso é próprio de quem se entrega de corpo e alma às paixões....de quem quer ser comida para os olhos poéticos da pessoa amada.
    Maravilha de poema.....!!!!!!!! Delícia de canção em forma de poesia!

    ResponderExcluir
  13. Linhas repletas de paixão e desejo.
    Parabéns. Lindo e real.

    ResponderExcluir
  14. Amar em todos e com todos os sentidos.

    ResponderExcluir
  15. Carregado de amor, lindo


    www.tarasemanias.pt

    ResponderExcluir
  16. Quantas vezes desejamos fazer esse convite, mas, para isso, é preciso se render, desarmar-se, estar mais vulnerável... É preciso coragem para amar e ser amada da forma mais pura e verdadeira. =)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Que lindo Simone , e viva o amor
    Beijos, aqui em Sampa é feriado nacional é dia Dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro, aproveitarei para viajar e descansar um pouco
    beijos.

    ResponderExcluir
  18. Que lindo cada palavra que está escrito! "Deixa ir embora o passado. Os amores perdidos", apaixonada por essa parte<33
    Beijocas! www.dosedeilusao.com

    ResponderExcluir
  19. Mais é muito amor *-* Muito lindo, Simone.

    Bjos
    http://fala-garotaa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Intenso e belo, parece que as palavras desciam uma correnteza rápida à medida em que as emoções despencavam numa cachoeira de amor.
    Bonito o teu espaço, Simone. Vou lê-la mais vezes.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  21. Entusiasmante! Como tudo o que tu escreves...

    ResponderExcluir

Postar um comentário