Sem esperar por resposta 2

Querido

   Sinto-me estranhamente inquieta por dentro. O porquê? Não sei ainda. Suspeito, às vezes. Principalmente quando rolo na cama, sem sono algum. Ou quando sinto vontade de fotografar o pôr do sol todos os dias e te enviar. Gosto de pensar que não sou somente um rosto que você conhece, que temos algo que não sei o que é e é bom. Gosto de imaginar que você está ao meu lado nesse mundo hostil, porque faz tudo parecer mais sereno. Gosto de inventar cenas pra nós dois, guardar coisas pra te mostrar... Gosto de acreditar que você também sonha comigo e que se lembra do meu rosto pela manhã. 
   Posso ser seu abrigo, se você quiser. Abrir as janelas da sua casa. Fazer o sol entrar. Abrir seu coração. Arrumá-lo. Aquecê-lo.Te mostrar que o fim está longe. Pare e olhe pra mim. Diga se você quer. 


Sua
P.s: Você é real mesmo ou apenas no meu coração?


Comentários

  1. Nas asas do devaneio a poesia vai nascendo e transborda do imo como um rio que aflora onde, antes não havia fonte de água. Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto de pensar e imaginar coisas tb... rs
    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. É bom imaginar. Mas é melhor ainda quando tudo isso se torna realidade, em ambos os corações.

    "Gosto de pensar que não sou somente um rosto que você conhece, que temos algo que não sei o que é e é bom."

    P.s: Se ele já está no teu coração é pq já é real, ele em si pode até não ser real,
    mas o sentimento sim - se já está no seu coração é pq é real.

    ResponderExcluir
  4. Esse sentimento é recíproco, simpática. Também adoro este teu espaço.
    Beijinho e muito obrigado!

    ResponderExcluir
  5. Lindo post... descreves bem um amor sonhador!
    É uma sensação tão boa!
    beijinhos :))))

    ResponderExcluir
  6. Simone...
    O texto traz em si uma doçura muito grande.... uma entrega, um antecipar de um amor... Um texto lindo e doce....escrito por uma artista bela e sensível...
    Se fosse eu... ia querer "para ontem"...

    ResponderExcluir
  7. Belo texto.. As incertezas da espera, hora quem nunca viveu amor de sonhos, de desejos só da mente, por mais que as vezes a espera não tenha fim, que ao menos vire poesia, ate um dia se tornar real. Sentir já é viver!!!

    Bjos de luz!
    Tauana Raio De Luar
    http://www.tauanaraiodeluar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Simone, desejo que esse amor te bata à porta!

    ResponderExcluir
  9. Que lindo seu texto, gostei muito, essas coisas acontecem mesmo né?

    http://alinesecretplace.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Vim aqui ver se havia algum poema lindo para eu poder dormir sonhando.
    Mas valeu vir aqui e rever teu blog....
    Beijos e obrigado pela visita!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário