Saudade é urgência que não cabe por dentro.
É dor fina que rasga em silêncio.
É um fim de semana inteiro deitado olhando pro teto.
É olhar pros livros, pra poltrona no quarto, olhar pro espelho e nada ver.
Saudade é verme corroendo a carne.
É visita inoportuna.
É um sorrir com dor.
É chorar um vazio pesado.
É um respirar forçado.
Saudade é querer morar em canções,
É remexer a caixa de lembranças.


É tédio incurável.
É esperança saltando pra fora.

Saudade é espera no portão,
na vida.
.

Comentários

  1. Menina-poeta-linda-talentosa....
    A saudade é a falta do amor... é sentir o cheiro estando longe....
    Delícia de poema...
    Adoro vir aqui!!!!

    ResponderExcluir
  2. Lindo poema!
    Saudade é parte de quem
    ama
    sempre...
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderExcluir
  3. Oi Simone, passando por aqui pra conhecer seu espaço e retribuir a sua visita. Lindo por aqui também. Bjooos no coração!

    ResponderExcluir
  4. Tento sentir o vento favorável às saudades que desejo ter.
    Necessária para lembrar-mos do que nunca esquecemos. Apenas guardamos.
    Simone . Muito bonito. Também chamou minha atenção o nome do blogue e ainda mais as postagens. Adorei e ficarei.

    ResponderExcluir
  5. Lindo muito lindo...o teu post fez-me lembrar de alguém
    Um beijo

    ResponderExcluir
  6. Lindo texto, descreveu muito bem. Saudade é terrível, aquela falta, aquela vontade de ficar deitada sem fazer nada, só pensando na pessoa... :/

    ResponderExcluir
  7. E sdd, vc chega sem avisar e cola do nosso lado....

    Danada vc....


    bjokas =)

    ResponderExcluir
  8. Saudade
    É a capacidade
    De não se esquecer.

    Gostei muito de seu blogue *-*

    Abraços,
    Fabiano Favretto

    ResponderExcluir
  9. Saudade é te ver por todos os lados, mesmo vc não estando em nenhum.
    Saudade é ouvir o som do teu sorriso quando se ouvi uma canção sentimental.
    Saudade é te querer perto, mesmo vc estando tão longe.
    Saudade é saber que vc sempre vai morar dentro de mim, mesmo sua casa sendo outra.

    tá, me empolguei... rs

    Confesso que umas lágrimas quiseram cair dps de ler tuas palavras. Vi tanta verdade ai, tanto sentimento, tanta saudade... vi um coração sentindo falta. Te vi, rs.

    Lindo, perfeito. Tuas palavras me arrepiaram.

    Deu até pra matar um pouco da minha saudade, rs

    ResponderExcluir
  10. Pensei em teu poema o dia todo hoje.... não sei proque...
    Mas te digo uma frase sobre a saudade que gosto muito:
    "Saudade é uma coisa que não tem medida, é um vazio que só se pode preencher com a lembrança."

    ResponderExcluir

  11. Olá Simone.

    Cheguei até aqui através da indicação de amigos comuns .

    Já estou seguindo seu blog.

    O escritor e psicanalista Rubem Alves recentemente falecido,dizia algo que pode ria ser refletido aqui:

    -“É mais fácil amar o retrato. Eu já disse que o que se ama é a ‘cena’. ‘Cena’ é um quadro belo e comovente que existe na alma antes de qualquer experiência amorosa. A busca amorosa é a busca da pessoa que, se achada, irá completar a cena. Antes de te conhecer eu já te amava.... E então, inesperadamente, nos encontramos com rosto que já conhecíamos antes de o conhecer. E somos então possuídos pela certeza absoluta de haver encontrado o que procurávamos. A cena está completa. Estamos apaixonados”.

    Eu tenho muitas saudades das fotos!

    E se você acredita no amor nesta sociedade dos desencontros ,se exercita sempre no abraço fraterno e nas mãos dadas que transcendem,enaltecem, valorizam e encantam a vida de cada um de nós,convido a participar de dois meus blogues cujo temática é essa única forma de nos mantermos de pé e apostar que a vida é diferente para quem ama.

    Confira: e ficaria honrado com sua presença:

    FALANDO SÉRIO.
    http://ptamburro.blogspot.com.br/

    FRAGMENTOS DO ACASO
    http://paulotamburrosexo.blogspot.com.br

    E como ninguém é de ferro venha ser o seguidor número 2 336 do nosso blog de humor:

    HUMOR EM TEXTOS
    http://paulotamburro.blogspot.com.br/

    Neste último blog você saberá sobre as mentiras que tornaram nossa sociedade muito pior!


    Um abração carioca

    ResponderExcluir
  12. Lindo...
    Não gosto de sentir saudade... é uma dor que por vezes me leva as lagrimas. porque sei que em certos casos. nunca a vou poder saciar. :)
    beijinhos..

    ResponderExcluir
  13. Ah, a saudade...
    Há tantas comparações a se fazer, não é?
    Adorei seu blog. Virei mais vezes por aqui.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  14. e eu q vinha pra agradecer as palavras elogiosas, posso teclar q mudei de ideia e q eu vim foi p ficar!

    *qto a saudade, tenho p mim q ela é como uma dádiva q temos... n é qualquer coisa nessa vida q pode ser morta com um abraço. vida e morte passam a ganhar novos sentidos.

    feliz quarta-feira,
    bitoquinha.

    ResponderExcluir
  15. Ai Simone, tocaste na ferida...
    é assim que me sinto, ultimamente
    com essa saudade inoportuna e o
    pior... de não sei quem... de não sei o quê...
    Uma verdadeira loucura. Lindo de viver!.
    Obrigada pelo passeio nos meus cantinhos.
    Bjussss

    ResponderExcluir
  16. Lindo texto, sinto saudades de tantas pessoas que me emocionou ao ler. Saudades da minha infância também.

    | visite-nos! Bananas de Vestidos |

    ResponderExcluir
  17. esse olhar me cai bem.
    disseram que felicidade é se entregar a um caminho, apenas um.
    esse olhar avoa.

    ResponderExcluir

Postar um comentário