Dor de cabeça, nas costas, nos pés, nos rins, cólicas, pontadas no peito... Mas a dor que tomou mais da metade de mim, do meu tempo, foi ver você partir, sair, ir embora...
    Eu não esperava por isso. Você não esperava que eu não fosse com você... 
    Todos os dias, por diversas vezes e em horarios diferentes, ela vem e me deixa no chão e não quer saber se preciso de descanso. Ela está ali. Sempre está e não tenho como fugir.      
    Não dizer não vai fazer eu não sentir ou sentir menos. Por você, pra não te incomodar, falarei baixinho e uma só vez. Escuta: há muito tempo eu respiro saudades.

Comentários